Loading...

terça-feira, 11 de maio de 2010

voar baixinho...

Há uns anos, era puto e fizesse o que fizesse, chegava a Maio e dos 70kg passava a 68kg e voava… Acho que é o que distingue quem corre a sério, dos outros, sentir que a determinada altura se vai em “flow motion”.

Passados todos estes anos, chego a Maio e talvez por as contracturas e amigdalites me terem respeitado, pela vinda do Papa, pelo Benfica ter ganho o campeonato ou por algo especial, a verdade é que hoje depois de semanas de pouco treino, muito trabalho, stress e pouco descanso, voei… a um ritmo diferente de há uns anos, mas a sensação foi a mesma, pena ou se calhar por isso mesmo, o Garmim estar sem bateria e assim não há como aferir o ritmo, que possivelmente seria a 4´/Km, mas na minha cabeça era a menos de 3´/Km certamente!

Hoje voei baixinho… foi bom! Muito Bom!

Sem comentários: